terça-feira, 13 de dezembro de 2011

Deu no Claudio Humberto...

Bancos ‘promovem cultura’ com nosso dinheiro

Não basta o lucro de 41% este ano para os banqueiros que foram às nuvens com o governo Lula, coçarem seu próprio bolso na hora de aparecer bem na foto da “promoção da cultura” na publicidade: o Ministério da Cultura aprovou R$ 39,3 milhões em renúncia fiscal para o Itaú Instituto Cultural “manter suas atividades”. O bancão é líder na corrida do lucro. O Santander Cultural Instrumental poderá abater R$ 1,1 milhão. E o governo fica sem o Imposto de Renda dos “patronos”.

Esses americanos...

Nos EUA, museus, bibliotecas e universidades são criados e bancados por milionários que revertem ao contribuinte o que receberam dele.

Empreendedor

Dias antes de virar o escândalo da vez, o ministro Fernando Pimentel (Desenvolvimento) foi eleito “Empreendedor do Ano” pela revista IstoÉ.

Pensando bem...

...dada a alta sofisticação dos escândalos políticos no Brasil, uso irregular de jatinho caiu mesmo de moda.

Isso não vai dar certo...

Vôo da GOL Cuiabá-Brasília sobrevoou quinze minutos à espera de autorização para pousar na Capital e, já na pista, aguardou outros 27 minutos por vaga para o desembarque. O comandante pediu desculpas e ironizou: “Tenham uma boa noite e não esqueçam: a Copa vem aí...”

O ‘cara’ da garagem

Lula perdeu para Sílvio Santos como o “mais admirado” do Brasil, em pesquisa britânica divulgada pela revista Forbes. Freud talvez explique porque o homem do baú venceu Bill Gates, em segundo: é melhor abrir um banco falido e continuar rico, que construir um império na garagem.

Pensando bem…

...de tanto cair, o Brasil não tem mais Produto Interno Bruto, mas PIP: Produto Interno Politraumatizado.